quarta-feira, 23 de junho de 2010

.01

É que são surtos, não é para ter sentido.